sexta-feira, 1 de maio de 2009

DEZ 2007 - Parte I - Batismo Bruno / Davi

Dia 01/12/2007, com o priminho Pedro na igreja. Um dia após o diagnóstico...
Batismo do Bruno e do Davi

Os batizandos daquele dia

Dia 01/12/2007 houve o batismo do Bruno e do Davi. Houve também o batismo surpresa do meu irmão e da minha cunhada Amanda.Foi muito emocionante! Quem realizou a cerimônia, foi o Pr. Wilson Ribeiro, grande amigo nosso. Chorávamos o tempo todo. Amigos e irmãos almoçaram conosco naquele dia, mas nem todos sabiam o que estava ocorrendo conosco. Eu não havia dormido nada na noite anterior. Passei a madrugada inteira na internet só pesquisando, pesquisando, pesquisando. Quanto mais eu pesquisava, mais me desesperava.
No dia 01/12 à tarde fomos a um Pronto Socorro, com a ressonância em mãos. Lá Biparam um neuro-cirurgião que confirmou o diagnóstico pelas imagens e nos disse: “Pai, mãe, o tumor do vosso filho está na região mais delicada do cérebro. Lá estão os controles do coração, da respiração. Se existe um lugar onde está a alma do ser humano, este lugar é o Bulbo, no tronco cerebral. Lá não se mexe... Olha, eu particularmente não conheço neurocirurgião que opere esta região do cérebro... “

Durante mais 3 dias não consegui dormir e nem comer... Fiquei o tempo todo no computador... Meu filhinho, lindo e saudável tinha aquele maldita doença!

Tudo o que eu encontrava era desanimador... Os termos eram sombrios.

Eis alguns dos artigos que encontrei:
“ Sob o ponto de vista prático, os tumores do tronco cerebral são sempre malignos, seja qual for sua natureza histológica, pois a sua localização os tornam inacessíveis à cirurgia e a resposta à radioterapia é apenas passageira. Esses tumores evoluem uniformemente para o óbito.”
http://www.interfisio.com.br/index.asp?fid=339&ac=1&id=0

“Glioma de tronco cerebral: péssimo prognóstico.”
http://www.sistemanervoso.com/pagina.php?secao=7&materia_id=268&materiaver=1

“Mas há outros cânceres cujos tratamentos ainda são pouco eficazes. Um deles, o glioma difuso de tronco cerebral, responde mal à radioterapia e ainda pior à quimioterapia convencional. A maioria das vítimas morre nos 18 primeiros meses. Os que sobrevivem carregam seqüelas, como retardo mental ou cegueira. Um dia, os médicos apostam, pacientes com essa neoplasia resistirão por mais tempo. E talvez não carreguem marcas dela.”

4 comentários:

  1. E so deus para nos livrar desses males

    ResponderExcluir
  2. acredito na vida eterna longe desse mundo confuso e sem soluçao temos que darmos as mao e dividir o sofrimento

    ResponderExcluir
  3. O Google nessas horas desespera mais que ajuda, né? =/

    ResponderExcluir

Pesquisar este blog

Carregando...