terça-feira, 25 de agosto de 2009

Pão Integral (convencional)

Ingredientes:
4 xícaras de água morna
8 xícaras de chá de farinha de trigo refinada
5 xícaras de chá de farinha de trigo integral
5 e ½ colheres de sopa de farelo de trigo
5 colheres de sopa de germe de trigo
26 colheres de sopa de óleo
1 colher de sopa de sal (colher rasa)
4 colheres de açúcar mascavo
2 e ½ colheres de sopa de fermento biológico fresco
4 colheres de sopa de glúten de trigo

Modo de preparo:
Dissolva o fermento em ½ xícara de água e reserve. Em uma tigela misture bem os seguintes ingredientes: farelo de trigo, germe de trigo, açúcar mascavo, óleo, sal e o restante da água. A essa mistura acrescente toda a farinha de trigo integral, misture bem. Depois o glúten, misture bem. Em seguida o fermento dissolvido, misture bem.
Após, aos poucos vá acrescentando a farinha de trigo branca.
Deixe descansar por 40 minutos.
Depois, divida a massa em quatro partes e coloque em formas untadas, deixe crescer cerca de 40 minutos, coberto com um pano úmido. Leve ao forno para assar, 30 a 40 minutos.

Rendimento: 4 pães de 500 g

2 comentários:

  1. Lidionete, bom dia!

    Só gostaria de saber, o açúcar q podemos utilizar para ajudar no tratamento da dieta de quem tem ou teve câncer, pode ser o mascavo mesmo,ou não devemos utilizar nenhum? E o gluten? podemos fazer uso? De acordo com a experiência q já tem.


    Ah! Meu nome é Milena.

    ResponderExcluir
  2. Olá Milena, obrigada pelo seu contato!
    Pelo que tenho lido, o açúcar é o item mais prejudicial, pois destrói o sistema metabólico do nosso organismo e todas as funções do corpo dependem deste sistema. O Dr. David Servan-Schreiber e outros autores também dizem que o açúcar alimenta o câncer. O ideal seria evitar até o mascavo e substituir por mel (moderadamente) ou stévia.
    Quanto ao glúten, os pesquisadores pouco falam sobre ele. O Dr. Peter J. D.´Adamo, autor do livro “A dieta do tipo sanguíneo para prevenção e tratamento do Câncer”, diz que tem a ver com o tipo sanguíneo... Ele afirma que determinados tipos sanguíneos devem consumir com moderação e até mesmo evitar, por não serem bem metabolizados.
    Um abraço!

    ResponderExcluir

Pesquisar este blog

Carregando...