segunda-feira, 9 de junho de 2014

Acampamento dos Adolescentes: Os milagres continuam

Amigos, o Vitor continua tendo progressos espetaculares. Conforme mencionei no post anterior, na sexta-feira dia 06/06, por volta do meio-dia, conseguiu dar os primeiros 3 passos sem apoio!! Na hora chorei de tanta emoção... A partir daí, foi aumentando as distâncias cada vez mais, até seu equilíbrio voltar por completo. 

No sábado fomos para o acampamento dos adolescentes num sítio em Ibiúna e foi emocionante quando todos viram com os próprios olhos o grande milagre.

O lado direito do corpo ainda não está completamente recuperado e por isto ele “puxa” a perna direita ao andar, mas a mão direita não mais fica “dependurada” e fechada como antes e voltou a usar como apoio e até para segurar o prato enquanto coloca comida... 

O acampamento dos adolescentes foi maravilhoso e  mesmo mancando, participou de todas as atividades, incluindo a brincadeira “caça ao tesourou”, onde teve que andar muito e foi até o final!!

Na brincadeira "Torta na Cara", fez duelo com a amiga Nicolle. A pergunta foi muito fácil e os dois sabiam, só que ela foi mais rápida e bateu primeiro a mão na panela... Não teve jeito: o Vitor levou torta na cara!!

Esse garoto é um guerreiro e mais uma vez nos surpreendeu. Confesso que se eu não acreditasse em milagres, iria dizer que foi mágica, pois é a única explicação que encontro para uma melhora tão rápida e extraordinária.

Hoje voltou à escola e daqui para frente retomará sua rotina. As fisioterapias irão ajudar a melhorar a sua perna direita, para que suas passadas voltem ao normal.

Deus é maravilhoso e a Ele toda honra e louvor.

Meu coração está aliviado e agradecido e todos que torceram ou oraram por nós fazem parte deste grande milagre! Só posso dizer muito obrigada!!

Momento play station com os amigos

A água da piscina estava muito gelada!!


4 comentários:

  1. Bom dia Lidionete,

    Que seja mais uma semana de avanços na recuperação do Vitor!

    Amém!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Cíntia!!
      Ainda persiste essa dificuldade para andar, mas tenho fé que logo voltará ao normal, com a graça de Deus!
      abs

      Excluir
  2. Renata Canoletti Ciuchini9 de junho de 2014 13:51

    Querida Lidionete, fazia tempo que nao visitava seu blog. Em abril do ano passado vc me ajudou muito me enviando prontamente informações para que eu entrasse em contato com o Dr. Clovis.
    Meu pai havia acabado de ser diagnosticado com um GBM grau IV e estávamos perdidos e desesperados.
    Foi uma batalha dolorosa que durou 6 meses. Meu pai foi dia a dia piorando e numa das primeiras internações ainda pegou uma terrível infecção hospitalar que o impediu inclusive de realizar o tratamento com o Temodal.
    As tentativas com o Dr. Clovis tb não deram certo porque das duas vezes que marcamos para que ele visse meu pai em SP, meu pai teve que ser hospitalizado às pressas, o que impossibilitou a consulta.
    Meu pai nos deixou no dia 09/09/14, mas ao menos pudemos ficar ao lado dele nos 6 meses posteriores ao diagnostico.
    O que nos resta depois desta grande prova é o respeito, a saudade, a admiração e o amor infinito que sempre sentiremos pelo meu pai (que foi uma das pessoas mais sorridentes, alegres e leves que já conheci).
    Só estou te escrevendo para agradecer do fundo do coração sua ajuda e apoio.
    Seu blog é muito importante para todos que buscam informações e conforto.
    Que Deus continue iluminando e abençoando à vc, à sua família e especialmente ao Vitor. Tenho certeza que ele logo se recuperará 100% deste incidente e que as notícias serão a cada ano as melhores possíveis!!!!!
    Estou certa de que estão sendo retribuídos por todo o bem que têm feito à outras pessoas compartilhando seu conhecimento, sua história e sua bem-sucedida luta!!!!
    Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Renata, muito obrigada pelas lindas palavras... Fico muito feliz ao saber que a nossa história contribui de alguma forma. Meus sentimentos pelo seu pai, pois também já passei por isto e sei como é. Como você mesma disse, nos resta a lembrança dos momentos bons, o carinho, o amor... Saudade é o amor que fica e que Deus acalente seu coração e traga o conforto sempre que essa saudade dor... beijo grande!

      Excluir

Pesquisar este blog

Carregando...