sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Pais que substituíram a dor por amor

Quero dedicar este post a alguns seres mais que especiais, pois não poderia deixar de manifestar o meu respeito e admiração por cada um deles. Estou me referindo às mamães e papais, que mesmo tendo perdido seus filhos, seguem na luta contra o câncer infantil, mas agora por outras crianças. Isso é amor, altruísmo, e vem de Deus. São anjos aqui na terra, que fazem toda a diferença.

Fico muito feliz em ver e saber das ações e atitudes de pais como a Soraya e o Paulo, de Manaus, pais da Giulia; Carol e Marcos, também de Manaus, pais da Ana Luiza; July e Cláudio, de Maceió, do saudoso Arthur Amorim; Sandra Abreu, do estado do Rio de Janeiro, mãe da linda Lívia, que também foi vítima de um tumor cerebral. Conheço muitos outros e poderia citar a Mery, mãe do Derik; a Lucynara, do Lucas; a Lana, do Yan; a Rita, do Gustavo; a Tereza, mãe do Ivo; a Carmen, da Emily; a Maria Luiza, da Letícia, etc, etc.

Como o título do post diz, eles “substituíram” a dor por amor e reservam parte do seu tempo para ajudar, confortar, tanto em palavras como em ações àqueles que passam pelo que eles próprios já passaram.

O câncer infantil ainda é uma doença enigmática e cada caso é diferente do outro. Algumas crianças se curam, outras estabilizam a doença, mas há aquelas que mesmo tendo se valido de todos os recursos disponíveis, ainda não foi o suficiente e acabam não resistindo. Dias atrás fiquei sabendo da partida de mais 2 crianças: a Ana Luiza, de Salvador ( http://jornadacontraocancer.blogspot.com/2011/05/ajuda-para-ana-luiza-de-salvador.html) e o Gabriel, de 6 anos, também de Salvador e ambos vítimas de tumor cerebral. Ficamos sem palavras diante de uma situação dessas, pois é incomensurável a dor da perda de um filho.

Aproveito este post também para informar que os papais da Ana Luiza (Carolina Coelho Varella e Marcos Varella) e da Giulia (Soraya e Paulo Wallace), estão criando uma fundação filantrópica, que pretende melhorar a realidade do câncer infantil no Amazonas. Mas o nome da fundação ainda não foi escolhido e eu e você poderemos opinar sobre o nome mais apropriado... Entre no site: http://analuizaegiulia.wordpress.com/escolha-o-nosso-nome/  e vote numa das opções disponíveis...

Minha oração é pra que Deus cubra de bênçãos essas mamães e esses papais especiais, pra que possam continuar sendo uma benção na vida de tantas pessoas e que tenham um pouquinho de sua dor amenizada fazendo o bem a quem tanto precisa.

2 comentários:

  1. Realmente é maravilhosa a atitudes deste pais...que DEUS os abençoe e fortaleça para seguirem em frente...

    ResponderExcluir
  2. Lidionete, sempre estamos juntos ...o Yan partiu mas antes pediu para não abandonar a luta, na incerteza ele um dia falou para mim, e continuo.

    ResponderExcluir

Pesquisar este blog

Carregando...