Visualizações desde JUL 2010

Pesquisar este blog

Carregando...

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Falecimento do Dr. David Servan-Schreiber

Fiquei triste com a notícia do falecimento do Dr. David Servan-Schreiber, no dia 24/07/2011, em Fécamp, França, sua terra natal.

Pra quem não se lembra, o Dr. David Servan-Schreiber era aquele médico neuropsiquiatra que, após um exame de ressonância magnética, descobriu-se portador de um tumor cerebral maligno no córtex pré frontal e mesmo tendo feito o tratamento convencional (cirurgia e quimioterapia), o tumor voltou, na mesma localização anteriormente tratada, só que desta segunda vez em dimensões maiores e mais agressivo. Até então o Dr. David levava uma vida completamente desregrada, sedentária, estressante e também se alimentava muito mal. Após intensa pesquisa de artigos científicos, mudou completamente seu estilo de vida e muitas destas recomendações podem ser encontradas no livro que escreveu, intitulado “Anticâncer”, que com toda certeza revolucionou a forma de pesar de muita gente.

Na época da recidiva do tumor, a aproximadamente 11 anos atrás, foi submetido à cirurgia e também quimioterapia por um ano. Mesmo tendo acesso ao melhor tratamento para seu caso, seu prognóstico não era bom. Alguns tipos de tumores cerebrais malignos tendem a repetidas recidivas, mesmo após cirurgia, radioterapia e quimioterapia. A medicina evoluiu nos últimos anos e hoje existem drogas como Temodal e Avastim, mas os médicos ainda não falam em cura, especialmente para um tipo denominado “Glioblastoma Multiforme”... E o Dr. David Servan-Schreiber tinha este prognóstico, quando o tumor retornou...

Determinado a conhecer a doença e na tentativa de mudar seu fatídico prognóstico, implantou as mudanças em seu estilo de vida, conforme descritas no seu livro. E os benefícios começaram a aparecer: melhora da sua saúde em geral, disposição e o melhor de tudo, o tumor não se desenvolveu. Viveu muito bem por mais de 10 anos, com a doença sob controle, mas em 2010, infelizmente o tumor voltou a crescer, agora pela terceira vez e foi o que o vitimou.

Muitos devem estar se perguntando se valeu à pena tudo que ele fez durante todos estes anos... O próprio Dr. David responde, após saber da terceira recidiva do tumor: “Eu não sou uma experiência científica. O que digo no meu livro não se baseia no sucesso ou no fracasso do meu caso pessoal – e ainda bem. Não possuo nenhum método garantido a 100 por cento, não sei o que me irá acontecer daqui a três meses ou três anos. Mas isso não altera a validade do que digo.”

De uma coisa tenho certeza: ele foi um guerreiro e lutou até o fim, com as armas que estavam ao seu alcance. Infelizmente alguns fatores fogem da nossa alçada; mas os conselhos deixados pelo Dr. David Servan-Schreiber, se colocados em prática, são válidos sim para aumentar as chances de sucesso na luta contra esta doença tão ingrata e cruel.

Link relacionado:

9 comentários:

  1. Fiquei muito triste também. Ele foi um guerreiro e um exemplo a ser seguido nessa luta tão dolorosa.

    ResponderExcluir
  2. Lidionete, vc é adventista? Bjos

    Luci Ellen

    ResponderExcluir
  3. Fiquei comovida hoje ao saber que um grande guerreiro se foi,mas ele continuará vivo entre nós.

    ResponderExcluir
  4. Fiquei triste em saber da morte deste homem preocupado com seus semelhantes, emprestando coragem, atitude,ânimo, dando-nos exemplos de sua própria vida, para melhorar a vida de quem está com com esta doença terrível. Dr. David, agora certamente ao lado de Deus, quero te agradecer pelos seus ensinamentos, obrigada pela sua passagem neste planeta, certamente você fez a diferença, obrigada pela sua alma generosa!
    Cecília Pôrto

    ResponderExcluir
  5. Grande Homem E LUTOU A MUITO PARA VIVER...

    ResponderExcluir
  6. Em 2010 fui diagnosticado com câncer de próstata. hoje controlado após radioterapia. Mas como todo câncer pode retornar, estou seguindo a dieta do Dr. David. Confesso que tinha um pouco de medo de verificar se ele tinha conseguido vencer o câncer. Infelizmente, hoje, quase 2 anos apos sua morte fiquei sabendo. Sou muito grato a essa alma que deixou uma lição de luta e generosidade ao divulgar seu estudos para o bem dos semelhantes. Pedro, Porto Ãlegre, Brasil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pedro, obrigada pelo comentário. Também fiquei muito triste quando soube do falecimento do Dr. David... Mas o resultado do seu trabalho permanece conosco e com certeza ainda continuará beneficiando muitas pessoas.
      abs

      Excluir
  7. Estou pesquisado como ajuda-lo meu marido que esta com esta doemça...

    ResponderExcluir