Visualizações desde JUL 2010

Pesquisar este blog

Carregando...

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Saúde Mental Começa Pelos Pensamentos

Muitas pessoas não sabem que elas podem modificar o padrão negativo de pensar. Crêem que aquele seu jeito de pensar é o único que podem ter. A verdade é que podemos desenvolver uma melhor maneira de pensar, com mais conteúdos mais saudáveis dos pensamentos.

Pensamento é diferente de sentimento. “Hoje é terça-feira.”, “O carro é azul.”, “Isto é um jasmim.”, são exemplos de pensamentos. “Estou com muita raiva daquela pessoa!”, “Me sinto deprimida hoje.”, “Vibro com minha aprovação no concurso!”, são exemplos de expressão de sentimentos. Pensamento expressa uma ideia. Sentimento expressa uma emoção. Exemplos de sentimentos são: raiva, tristeza, vergonha, alegria, medo, afeto, etc.

Também é verdade que não é fácil mudar a corrente dos pensamentos, porque habituamos a te-los num sentido (pessimista ou otimista, negativo ou positivo, desperançoso ou esperanço, etc.) ao longo da vida. É importante compreender que muito do que sentimos depende do que pensamos, da maneira como pensamos, do que mais pensamos. Em parte nos tornamos no que mais pensamos.

Podemos habituar a pensar sempre de uma mesma maneira, mesmo que seja uma maneira ruim de pensar. Se você observar, você pode pensar no que está pensando, não pode? Ou seja, você pode observar o tipo de pensamento que mais frequentemente vem à sua mente consciente. Isto significa que há uma área da sua mente que é livre para pensar no que quiser, e há uma área que está presa nos pensamentos costumeiros e antigos. Chamamos de “crenças centrais” e “pensamentos automáticos” este hábito criado na mente e que gera sofrimento se forem crenças e pensamentos negativos.

Esta área livre para pensar o que você quiser é que precisa ser usada para que você treine novos e melhores pensamentos. Requer realmente um treino, porque o hábito de tantos anos pode fazer com que alguém se acostume a pensar sempre de uma mesma maneira negativa, por exemplo, sempre nutrindo pensamentos assim: "As pessoas me rejeitam."; "A vida não faz sentido."; "Ninguém me entende.", "Sou fraco e não tenho jeito.".

Mas a parte saudável da mente pode olhar para isto e dizer: "Puxa! Olha como eu só fico pensando nestas coisas destrutivas que me botam para baixo!" Daí, toda vez que você se pegar tendo estes pensamentos ruins, negativos, você pode dizer para si mesmo: "Eu decido não permitir que minha mente doente continue a pensar dessa forma. Eu vou escolher o que quero pensar agora.” E daí você troca o pensamento ruim por um pensamento melhor. E força sua mente a pensar neste pensamento melhor.

É assim que as coisas irão mudar para melhor na mente cheia de pensamentos negativos que geram sentimentos dolorosos desnecessários. Lembre-se de que o que mais pensamentos, produz o que sentimos. E o que mais sentimos, produz o que fazemos. Por isso é que se a maioria dos seus pensamentos for negativa, os sentimentos serão também negativos e as decisões na vida poderão ser negativas. É como um trem composto de locomotiva e vagões. A locomotiva é o pensamento, e os vagões são os sentimentos e as escolhas que fazemos na vida. Por isso pensar correto é um ponto muito importante para a melhora da vida emocional e para uma pessoa sair dessa sensação que pode ser antiga de se sentir rejeitado, sem condições de melhorar, um(a) pobre coitado(a), deprimido(a).

É verdade que há a dimensão da necessidade de compreensão dos sentimentos, da expressão deles, da experimentação deles que podem ter estado reprimidos inadequadamente. Porém, a pessoa pode começar a trabalhar com a questão do treino dos pensamentos, pois já produzirá algo bom.

Autor: Dr. Cesar Vasconcellos de Souza
http://www.portalnatural.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário